26 de julho de 2017
publicado às 14h48
Google lança plataforma que mostra o perigo do consumo de carne para a Floresta Amazônica

Google lança plataforma que mostra o perigo do consumo de carne para a Floresta Amazônica

O Google Brasil acaba de lançar uma ferramenta interativa que explica a história da Floresta Amazônica, de seu povo e, principalmente, das ameaças que colocam a região em perigo. Em destaque, a plataforma intitulada Eu Sou Amazônia traz dados sobre a devastação da floresta pela produção de carne.

Algumas informações são mais do que preocupantes: 60% da gigantesca área que já foi devastada na Amazônia virou pasto para bois da pecuária extensiva. Essa área corresponde ao tamanho da Espanha. 38% de toda a carne produzida no Brasil, para consumo interno ou para exportação, vêm da Amazônia.

“Não seria exagero dizer que o desmatamento está no seu prato.” – diz um dos vídeos disponibilizados na plataforma. “A pecuária extensiva ainda é a maior responsável pela derrubada de floresta na Amazônia brasileira.” – completa o texto do vídeo que você confere abaixo.

Em sua página oficial no Facebook, com 23,5 milhões de seguidores, o Google Brasil publicou um pequeno vídeo em que divulga a plataforma e encoraja as pessoas a diminuírem o consumo de animais (assista aqui).

A plataforma Eu Sou Amazônia usa o serviço Google Earth como base, tem mapas em 3D interativos, vídeos com lindas imagens – muitas delas aéreas –, infográficos e depoimentos de povos  indígenas e de outros moradores da região. O material em vídeo presente na ferramenta é uma parceria do Google com o aclamado diretor brasileiro Fernando Meirelles, conhecido pelos filmes Cidade de Deus Ensaio sobre a cegueira.

Um material inédito, muito bem produzido e com relevância documental. Fonte: Vista-se

 

Compartilhar
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014