26 de junho de 2019
publicado às 14h39
Palmas realizou a 27ª edição do Arraiá da Capital

Prefeita Cinthia RibeiroA 27ª edição do Arraiá da Capital chegou a sua última noite neste domingo, 23, com muita diversão e forró na cidade cenográfica, montada na Vila Olímpica de Palmas, na Avenida Teotônio Segurado, região Sul da Capital.

 

Aproximadamente 10 mil pessoas compareceram à cidade cenográfica do Arraiá da Capital para prestigiar o encerramento do evento nesta quinta e  última noite do evento. O público palmense compareceu em peso para conferir as apresentações das quadrilhas juninas do Grupo Especial e shows artísticos com as bandas Paredão do forró e Forró do Serrado, no palco principal. Quem não compareceu pôde acompanhar pelo Facebook a apresentação das quadrilhas juninas do grupo especial, com transmissão ao vivo.

 

Na arena principal o show ficou por conta de quatro juninas do grupo especial que levaram o público a lotar as arquibancadas e vibrar com a apresentação dos quadrilheiros formados por animadores, marcadores, damas e cavalheiros, reis e rainhas, noivo e noivas, atores e figurantes.

 

O primeiro grupo a se apresentar na Arena foi a junina Arrastapé da Liberdade, que apresentou como temática  “Marias a flor maior do meu bem querer, que conta a historia de três marias que  vivem numa cidade fictícia e lutam pelos seus direitos e contra a violência, fazendo uma alusão à Lei Maria da Penha, uma conquista para  as  mulheres que sofreram e sofrem algum tipo  violência.

 

Em seguida os brincantes da quadrilha Pizada da Butina entraram na arena, com uma pegada forte cantando e dançando sob o ritmo nordestino ao abordar a diversidade cultural brasileira. Com a temática ‘O preconceito afasta e o respeito une’, a Pizada da Butina arrancou aplausos da arquibancada, ao pedir respeito às diversidades, e não à intolerância religiosa, à homofobia, ao racismo e ao preconceito.

 

Na arquibancada um grupo de 10 amigos de Curitiba (PR) e de Florianopólis (SC), entre médica, advogado e servidores públicos, estava encantado com as apresentações dos quadrilheiros, a exemplo da servidora pública Karen Zazula, que ficou sabendo do evento ao fazer um tour pela cidade. “É a primeira vez que venho a Palmas, e estou encantada com a apresentação dos grupos de quadrilha”, disse, acrescentando que pretende voltar novamente à Capital.

 

A terceira apresentação ficou por conta da junina Fulô de Mandacaru que entrou em grande estilo contando a história de um casal de nordestino que deixou o sertão para ir à cidade grande tentar uma vida melhor, porém o casal teve que retornar às suas origens, com a ajuda de um programa de televisão.

 

Da arquibancada, a cabeleireira Elisângela Alves dos Santos estava acompanhada do esposo, o empresário Gilvane Pereira da Silva, e dos  filhos, Pedro Jorge e Kawan Pereira. Moradores da quadra 307 Norte, é a primeira vez que a família frequenta o Arraiá da Capital. “É a nossa primeira vez aqui, está tudo muito lindo e organizado”, disse, acrescentando que está torcendo para que a Fulô de Mandacaru seja a campeã deste ano.

 

E finalizando as apresentações do grupo especial, a junina São João das  Palmas foi a ultima junina a se apresentar com a temática da  Santa Trindade Junina em alusão às datas comemorativas de todos os tipos de Santos.

 

Coreto

 

Para os amantes do forró com muito arrasta-pé e coreografia, o coreto ficou pequeno para os casais dançantes, como é o caso da administradora Janaina Andrade, 22, que conheceu o carteiro Marcivaldo Francisco de Sousa ao som da banda Impacto Latino no Forró. O casal chamou atenção do público ao dançar o famoso forró pé de serra.

 

A 27ª edição da festa mais popular de Palmas teve como inspiração o sertão nordestino na decoração da cidade cenográfica. O circuito contou também com a tradicional vila gastronômica, que serviu as melhores comidas típicas das festas juninas brasileiras.

 

E para finalizar a noite em grande estilo o público ainda conferiu as apresentações das bandas Paredão do Forró e Forró do Serrado, encerrando mais uma edição do Arraiá da Capital 2019.

 

Rainha do Arraiá da Capital

 

O arraia da Capital está em sua 27ª edição que começou na ultima quarta-feira,19, com o concurso para eleger a Rainha do Evento. Gleisiane Teixeira Costa, representante da junina Luar de Santo Antônio, foi escolhida a Rainha do 27º Arraiá da Capital. A eleita reinou durante os cinco dias de festa e, além da faixa, levou para casa o prêmio de R$ 5 mil.

 

Resultado da apuração

 

O resultado final dos concursos do 27º Arraiá da Capital será divulgado após a apuração dos resultados que será realizado nesta segunda-feira, 24, às 19 horas na Fundação Cultural de Palmas. Os vencedores do Arraiá da Capital levarão para casa os seguintes prêmios.

 

Grupo Especial

 

1º lugar – Troféu e R$ 30 mil

2º lugar – Troféu e R$ 15 mil

3º lugar- Troféu e R$ 7.500,00

4° lugar- Troféu e R$ 3.500,00

5º lugar- Troféu e R$ 2.500,00

 

 

Grupo de Acesso:

 

1º lugar – Troféu e R$ 10 mil

2º lugar – Troféu e R$ 7.500,00

3º lugar- Troféu e R$ 5.000,00

4° lugar- Troféu e R$ 2.500,00

5º lugar- Troféu e R$ 1.500,00

 

Rainha do Arraiá da Capital 

 

1º lugar- faixa de Rainha, troféu e R$ 5.000

 

Melhor animador Marcador:

 

1º lugar-Troféu e R$ 5.000,00

 

Melhor casal de noivos

 

1º lugar- Troféu e R$ 5.000,00

 

Melhor Casal de Reis

 

1º lugar – troféu e R$ 5.000,00

 

Compartilhar
Notícias Relacionadas
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014