Salve a Amazonia
2 de janeiro de 2017
publicado às 17h21
Ativistas criam petição para impedir assassinato de pit bull no Tocantins

ativistas-criam-peticao-para-impedir-assassinato-de-pit-bull-no-tocantinsUma petição online foi criada por ativistas pelos direitos animais para impedir o assassinato do pit bull de Paranã (TO), condenado à morte após defender sua residência de um assalto. Segundo o tutor, Edivaldo Chagas, uma determinação de um juiz ordena que o animal seja morto por representar “ameaça a integridade física das pessoas”.

O documento, que já reúne mais de mil assinaturas, será entregue às autoridades locais para tentar reverter a determinação, além de solicitar que o animal seja devolvido ao tutor. O pit bull foi recolhido e atualmente está no canil da cidade.

Assine a petição online e ajude a fazer justiça para o pit bull de Paranã.

ENTENDA O CASO

O cão foi condenado à morte depois de defender sua casa de um assaltante, no ano passado. Segundo o site Geral Online, o ladrão, conhecido como “Dezim”, pulou o muro da residência e foi surpreendido pelo animal, que avançou contra ele.

O homem foi preso ao dar entrada em um hospital da cidade, mas liberado após prestar depoimento.

Ainda de acordo com o site, o tutor do pit bull declarou que o animal é pacífico e muito amável, salientando que “se ‘atacou’ é porque teve seus motivos”. (Por Rafaela Pietra | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais).

Compartilhar
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014