Salve a Amazonia
30 de dezembro de 2016
publicado às 20h50
Consumo de carne está caindo mais rápido que o de cigarro no Reino Unido

consumo-de-carne-esta-caindo-mais-rapido-que-o-de-cigarro-no-reino-unidoUma queda de mais de 400 milhões de dólares nas vendas.

A revista The Grocer, especializada em pesquisas e análises no ramo dos Supermercados, em sua “Pesquisa de produtos mais vendidos de 2016”, apontou que as vendas de carnes vêm caindo, no Reino Unido.

Desde outubro de 2015, quando a Organização Mundial da Saúde (OMS) colocou as carnes processadas na lista de produtos cancerígenos, pesquisas passaram a mostrar que a população tem considerado a carne como uma potencial promotora do câncer.

De acordo com o relatório da The Grocer, as vendas de todos os produtos cárneos caíram 405,4 milhões de dólares, no Reino Unido. Para se ter uma ideia, apenas as vendas de bacon caíram 151,6 milhões de dólares, o que representa uma queda de 11,3% com relação a 2015, e correspondeu à maior queda do setor. As vendas de salsichas, por sua vez, caíram 63,2 milhões de dólares.

Comparando com as vendas de cigarro, que caíram 260,6 milhões de dólares, a Pesquisa acabou mostrando que a população do Reino Unido está reduzindo o consumo de carne mais rápido do que o de cigarro. (Mapa Veg).

Compartilhar
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014