Salve a Amazonia
16 de fevereiro de 2019
publicado às 15h35
Contribuições da biodiversidade para produção agrícola

DESMATAMENTO MTA FAO realizou no dia 15 de fevereiro uma coletiva de imprensa para apresentar as conclusões do seu relatório Estado da Biodiversidade Mundial para a Alimentação e a Agricultura. A publicação é a primeira a analisar o estado das plantas, animais e microrganismos que apoiam a produção agrícola e alimentar — nos níveis genético, das espécies e do ecossistema. O documento será lançado em 22 de fevereiro.

A biodiversidade para a alimentação e a agricultura engloba não apenas as plantas e animais silvestres e domesticados que fornecem alimento, ração, combustível e fibra, como também a “biodiversidade associada”, isto é, o conjunto de organismos que apoiam a produção de alimentos (incluindo abelhas e outros polinizadores, plantas, animais e microrganismos que ajudam a purificar a água e o ar, combatem doenças agrícolas e pecuárias e mantêm os solos férteis). O relatório analisa todos esses elementos.

A biodiversidade para a alimentação e a agricultura é a base dos sistemas alimentares. Ela torna os sistemas de produção e meios de subsistência mais resilientes a choques e tensões, inclusive aos efeitos das mudanças climáticas. A diversidade biológica também é fundamental para aumentar a produção de alimentos diante das necessidades crescentes da população, limitando os impactos negativos no meio ambiente.

O relatório foi preparado pela FAO sob a orientação da Comissão de Recursos Genéticos para Alimentação e Agricultura — o único organismo intergovernamental permanente que trata especificamente da diversidade biológica para alimentos e agricultura. A publicação é baseada na análise de dados globais, incluindo informações geradas especificamente para o documento por 91 países. Fonte: ONU Brasil

 

 

 

Compartilhar
Notícias Relacionadas
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014