Salve a Amazonia
27 de julho de 2016
publicado às 13h37
Dunas do Jalapão atraem turistas de outros países e estados

Dunas do Jalapão atraem turistas de outros países e estadosEm razão do grande número de turistas que visitam as Dunas localizadas no Parque Estadual do Jalapão (PEJ), a gestão local realizou um planejamento denominado de Operação de Uso Público, a fim de controlar e monitorar a visitação, incluindo a demanda de voluntários do programa Voluntário Pela Natureza, desenvolvido pelo Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins).

No período de 1º a 17 de julho deste ano, as dunas receberam 1.388 visitantes dos estados de São Paulo, Bahia, Goiás, Paraná, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Espírito Santo, Piauí, Rio Grande do Norte, Maranhão, Rio Grande do Sul, Pará e Tocantins e Distrito Federal, além de turistas da Bélgica e dos Estados Unidos.

Desde o início do ano, a Unidade de Conservação (UC) conta com a colaboração de voluntários que fazem parte do programa Voluntário Pela Natureza, em ações de Uso Público de controle e monitoramento das visitações turísticas no PEJ e entorno.

De acordo com a responsável pelo Uso Público do PEJ, Lahuana Aguiar, no período de 22 a 25 de julho, a unidade conta com três voluntários de Palmas, que estarão em campo desenvolvendo atividades nos atrativos turísticos do PEJ e região. “Essa ação com os voluntários é de grande importância, já que eles repassam aos turistas orientações sobre as normas e procedimentos nos atrativos. Eles também realizam um trabalho de sensibilização ambiental”, explicou.

O programa Voluntário Pela Natureza possibilita o ingresso de pessoas que queiram, espontaneamente, colaborar em atividades com as Unidades de Conservação do Estado. Os interessados devem acessar o link  http://naturatins.to.gov.br/protocolo-e-servicos/biodiversidade-e-reas-protegidas/programa-voluntario-pela-natureza-naturatins/, preencher o cadastro de voluntário e enviar para o e-mail usopublico@naturatins.to.gov.br. (Tânia Caldas / Governo do Estado).

Compartilhar
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014