Salve a Amazonia
8 de abril de 2015
publicado às 13h20
Ministro da Cultura Juca Ferreira garante apoio aos Jogos Mundiais Indígenas no Tocantins

JogosMundiais_MinC

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, recebeu na manhã desta terça-feira, 7, o pedido de apoio aos Jogos Mundiais Indígenas que acontecerão em Palmas, entre os dias 15 e 27 de setembro, e garantiu a participação do Ministério no evento. O projeto foi apresentado pela vice-governadora, Cláudia Lelis, pelos secretários de Estado da Educação e da Cultura, Adão Francisco, e da Representação em Brasília, Renato Assunção, e pelo presidente do Comitê Intertribal, Marcos Terena.

Durante a reunião, o Ministro Juca Ferreira afirmou que o resgate da cultura indígena é uma das suas bandeiras de trabalho e garantiu apoio do Ministério para as demandas apresentadas. “Os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas têm grande importância para dar visibilidade à força dessa cultura. Nesse processo de modernização do Brasil é preciso reconhecer o papel e o lugar dos índios na sociedade brasileira. O Ministério da Cultura vai apoiar ao evento”, enfatizou o ministro.

A vice-governadora Cláudia Lelis está liderando o apoio do Governo do Estado e defende a união de forças para que o evento atinja o máximo do potencial. “O resgate da cultura indígena, uma de nossas principais raízes culturais, é uma das bandeiras do Ministro e por esse motivo ele se mostrou muito interessado em apoiar aos Jogos. É uma determinação do governador Marcelo Miranda que reunamos todos os esforços para fazer um evento de grande porte e mostrar a força da cultura do Tocantins para o Brasil e para o mundo. ”, destacou.

Na área da infraestrutura, o Governo do Estado está investindo mais de R$ 2 milhões na reforma do Estádio Nilton Santos, local onde algumas modalidades serão disputadas. Também como parte do apoio, o Governo disponibilizou ao Comitê Intertribal um espaço na Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos com estrutura para que a liderança dos jogos possa dar andamento na organização.

O presidente do Comitê, Marcos Terena, afirmou que a participação do Governo do Estado é fundamental. “Como protagonistas e organizadores dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas, convidamos o governador Marcelo Miranda para ser um dos aliados nesse processo. Não tem sentido organizarmos os jogos no Tocantins sem a presença do Governo do Estado e a sua população”, enfatizou o presidente.

Jogos Mundiais dos Povos Indígenas

Os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas reunirão aproximadamente 2.300 participantes, sendo 24 etnias brasileiras e 22 internacionais do Canadá, Chile, Panamá, Japão e África do Sul. Durante o evento também acontecerá o Fórum Social Indígena, o Festival Artístico das Culturas Indígenas, a Feira das Artes Indígenas e a Feira da Agricultura Familiar Indígena. Haverá ainda a Oca Digital e a Oca da Sabedoria, espaços com programações diversificadas sobre a cultura dos povos indígenas. (Secom – TO).

Compartilhar
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014