Salve a Amazonia
4 de outubro de 2016
publicado às 10h32
ONU promove evento em Brasília sobre Agenda 2030

onu-promove-evento-em-brasilia-sobre-agenda-2030O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e o Ministério do Meio Ambiente promovem nesta terça e quarta-feira (4 e 5) em Brasília evento com representantes de países da América Latina e Caribe para discutir a implementação dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e da Agenda 2030.

“O Brasil e todos os países devem reunir a questão ambiental com a social e econômica para atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Esse é o grande desafio”, disse a presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Suely Araújo, na abertura do evento.

O coordenador do Sistema ONU no Brasil, Niky Fabiancic, explicou que a Agenda 2030 é abrangente e integrada, destacando a importância do compartilhamento de experiências. “Os ODS focam na luta contra a pobreza e na mudança climática em todos os países, sejam desenvolvidos, sejam em desenvolvimento. Por isso, compartilhar experiências é imprescindível. Essa é a importância deste seminário”, declarou.

Para o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Heman Benjamin, “a forma como foram apresentados os objetivos e metas da Agenda 2030 é inovadora, pois integrou conteúdos amplos e necessários em uma só agenda, de forma a permitir que todos consigam compreendê-los”.

Em visita ao Brasil, o diretor regional do PNUMA, Leo Heileman, afirmou: “nosso mundo enfrenta problemas complexos e, para encontrarmos soluções, é preciso agir de forma integrada, explorando as sinergias dos países da América Latina”. Ele também ressaltou o papel do Brasil como precursor da Agenda 2030, desde o início das discussões, em 2012, na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20.

Para o Ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, as populações mais vulneráveis deverão ser privilegiadas para o cumprimento da Agenda 2030. Ele também destacou a importância da Cooperação Sul-Sul e da troca de experiência entre os países da América Latina. “No seminário de hoje, foram selecionadas experiências demonstrativas e exemplos de boas práticas em países vizinhos, as quais devemos seguir”, afirmou. (ONU - Brasil).

Compartilhar
Notícias Relacionadas
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014