Salve a Amazonia
7 de julho de 2015
publicado às 22h18
Parlatino faz debate sobre diabetes e hipertensão sugerido pelo deputado Hiran Gonçalves

Parlatino_Cuba_Hiran GonçalvesCuba foi o país escolhido para a retomada dos trabalhos do Parlamento Latinoamericano (Parlatino), realizado entre 3 e 6 de junho. Como segundo secretário Mesa Dire­to­ra do Grupo Brasi­lei­ro, o Deputado Hiran Gonçalves (PMN-RR) sugeriu uma maior conscien­tização das populações do continente sobre o dia­be­tes e a hiper­tensão, uma vez que elas causam grandes despesas nos programas de saúde dos países.

“Nós discutimos estratégias de controle e, como médico e gestor, sugeri, como pauta de uma discussão no continente Sul Americano, que se faça um trabalho de educação em grande escala a respeito dos transtornos dessas doenças”, explicou.

Para melhor trabalhar esta sugestão, o tema será objeto de discussão nos próximos fóruns do Parlatino na Bolívia e na Colombia. “Vamos continuar construindo um sistema, em termos de subsídios, aos países que façam esforços continentais para tentar obstruir esses agravos que são tão danosos”, observou.

Também foi discutida estratégias de controle das doenças transmissíveis por vetores. Nesse ponto, o enfrentamento do vírus Ebola, que acontece em países da África, foi motivo de preocu­pação. “Pelo fluxo das pessoas, ele poderia atingir a América Latina”, disse o Deputado Hiran Gonçalves, assinalando que “isso não aconteceu, mas, por falha na vigilância epidemio­lógica, é possível. O que temos que evitar”.

Em sua palestra, o Deputado Hiran Gonçalves evidenciou a importância do Sistema Único de Saúde (SUS) na saúde pública do Brasil por atender “cerca de 80% das pessoas”. (Benné Mendonça – Assessor de Imprensa).

Compartilhar
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014