Salve a Amazonia
24 de outubro de 2015
publicado às 12h42
Projeto Parteiras do Amapá

Parteiras tradicionais do AmapáO Projeto Parteiras Tradicionais do Amapá, para incluir as parteiras tradicionais na saúde pública do estado, começou em 1996, durante o primeiro governo do PSB, coordenado pela agora deputada Janete Capiberibe, na gestão do governador João Capiberibe.
Em 1998, recebeu o Prêmio Paulo Freire, da UNESCO. Capacitou mais de 1,4 mil parteiras e as inclui no programa de renda do governo socialista. Elas recebiam cursos de capacitação, kits para partejar, acessórios necessários para seu deslocamento e meio salário mínimo de renda.
Em 2003, a deputada Janete levou o projeto para a Câmara dos Deputados. Em 2008, a parteira Jovita, e em 2014, a parteira Maria Luíza foram premiadas pela Câmara dos Deputados. A proposta da deputada Janete foi a espinha dorsal para debater a inclusão das parteiras tradicionais na saúde pública brasileira. Em 2011, o governador Camilo retomou o projeto das parteiras tradicionais do Amapá, que ficara paralisado entre 2003 e 2010.

Reportagem do Jornal Hoje recupera a inclusão das parteiras na saúde pública, iniciada no governo socialista do PSB!!

Assista:

 

http://globotv.globo.com/rede-globo/jornal-hoje/t/edicoes/v/parteiras-ajudam-a-fazer-do-amapa-um-dos-estados-com-menor-numero-de-cesareas/4556402/

Compartilhar
Notícias Relacionadas
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014