Salve a Amazonia
27 de janeiro de 2019
publicado às 12h49
Quase 180 raposas são resgatadas e vão morar em santuário budista

Quase 180 raposas sao resgatadas e vao morar em santuario budistaA tortura e o sofrimento dos animais criados em cativeiro por suas peles já foi comprovada e é assustadora – além das terríveis condições em que são mantidos, são esfolados vivos ou mortos por eletrocussão, para não danificar suas peles.
Noruega, Bélgica, Luxemburgo, Alemanha, República Tcheca, Bélgica e Suécia são algumas das nações que proibiram a terrível prática.

Recentemente, 174 raposas, destinadas ao mesmo fim, foram resgatadas de uma fazenda de peles e realojadas em um santuário budista.

As raposas brancas foram resgatadas na China pelo ativista animal BoHe, que dedicou sua vida a salvar animais. Ela opera um abrigo de resgate em Mudanjiang, com mais de 2.700 cães, muitos resgatados do comércio de carne de cachorro . Ela também conseguiu o apoio de dezenas de voluntários, incluindo Karen Gifford, que conscientiza e apoia os esforços de resgate da BoHe.

Compartilhando vídeos e fotos, Gifford atualiza as pessoas sobre o resgate das raposas. Os animais “nascem na primavera e são esfolados no inverno”, disse Gifford no Facebook . “É horrível, com certeza.”

Karen revelou que o resgate foi feito após saberem que os agricultores estavam fechando seus negócios por falta de lucro. Em vez de doar as raposas para um santuário, os fazendeiros estavam assassinando os animais e alimentando as próprias raposas com essas carnes. As informações são do Live Kindly.

Infelizmente, por terem sido criadas em cativeiros desde bebês, elas não podem ser libertadas em seu habitat natural.

Talvez isso não seja realmente um problemas já que assim não correrão mais riscos de serem capturadas por caçadores. Agora, todas viverão suas vidas em um santuário cercado pela natureza e por monges.

Gifford mostra os animais sendo liberados de pequenas gaiolas no Jardim de Enfermagem Budista Jilin, em Mudanjiang, China, que funcionará como um lar temporário até que um recinto adequado seja construído para eles.

“Lágrimas de alegria!!! Omg omg omg você pode imaginar ???” é a legenda de um post, dizendo também que agora “ essas raposas estarão livres do mal e alimentadas pelo resto de suas vidas! Essas preciosas criaturas agora podem correr, brincar e viver”.

Um vídeo mostra um monge budista ajoelhado ao lado das raposas em oração.

A ativista está ajudando o BoHe a levantar dinheiro para comprar ração para alimentar os animais resgatados. Em um comunicado, BoHe disse que em breve eles estarão sem comida para as raposas.

Karen implorou aos amantes de animais que andassem menos de táxi, não comprassem cigarros e, em vez disso, usassem qualquer dinheiro extra para doar à causa. “Salvar vidas é mais fácil do que proteger vidas. Proteger as virtudes é igualmente importante”, disse BoHe.

Gifford agradeceu aos que já demonstraram apoio. Ela escreveu: “Tenho certeza que seus corações se inspiram vendo esses vídeos do monge budista entre as raposas livres no jardim. O que pode ser melhor que isso?

Compartilhar
Notícias Relacionadas
Comentários 
0
Escreva um comentário

Portal da Amazônia Legal © Todos direitos reservados 2014